Escola de Magia
Login e aceder à área de aluno
ou
Matricular-se na Escola de Magia
MENU
Entrada > Átrio principal > Átrio > Biblioteca > Novidades

NOTÍCIAS MÁGICAS

  Concurso de Leitura

Os melhores leitores ganham prémios!

Aceita este desafio!




Um livro que se modifica consoante a tua personalidade

- Hoje vou apresentar-vos um novo livro onde vos aguarda uma magnífica história.

Foi com estas palavras que o Professor Zulmiro iniciou a aula. Quase toda a turma suspirou de alívio e sorriu. Era bem sabido que o Professor Zulmiro era um fã devoto de fórmulas complicadas e problemas impossíveis e o livro seria uma bem-vinda distração da rotineira exigência técnica habitual. Ainda assim, um aluno mostrou uma expressão entre o revoltado e o preocupado.

- Mais um manual Professor? Os meus pais não têm dinheiro! Gastaram tudo a comprar os manuais que a escola recomendou no início do ano - o aluno Beltroi deu voz aos seus receios.

- Ainda nem sabes de que livro eu vou falar. O livro é... - ia a dizer Zulmiro. O aluno nem sequer o deixou terminar, de tal maneira o nervosismo lhe estava a saltar pela garganta.

- O Professor podia deixar fotocópias na reprografia. O meu pai está desempregado, mas no próximo mês a minha mãe recebe e pode dar-me dinheiro para as fotocópias.

A Silvira, a delegada de turma, censurou esta sugestão.

- Não ouviste nada do que o Professor disse nas outras aulas? Não se pode fazer isso! É contra os direitos de autor!

- E onde nasce o dinheiro para sustentar esses ideais? Nas árvores?

- E onde queres tu que os autores vão buscar o dinheiro? Esperas que morram todos à fome porque os leitores os roubam com as fotocópias?

Um burburinho espalhou-se pelo auditório enquanto os alunos, de forma desordenada e sobrepondo-se uns aos outros, lançavam argumentos sobre a questão lançada em debate.

Zulmiro cruzou os braços e observou. Esperava que os alunos conseguissem, por si próprios, aprender a respeitar-se uns aos outros. O debate subia de tom.

- Se calhar a tua mãe é autora e por isso é que está falida e não te pode comprar o livro - sugeriu um rapaz, o Filistino.

- Não fales da minha mãe! - e o Beltroi, o aluno que inicialmente lançara o debate sobre o preço do livro e as fotocópias, avermelhou-se de raiva.

- Porquê? - persistiu o Filistino.

- Eu nunca falei da tua mãe. Porque é que falas da minha?

- O que tens a esconder sobre a tua mãe? O que faz ela, então?

Este comentário tocou um nervo de sensibilidade no Beltroi que se levantou do lugar, de sobrancelha franzida e lábios contraídos numa linha fina.

As esperanças de Zulmiro num debate civilizado foram frustradas. A polémica resvalara para argumentos pessoais e a partir daqui apenas surgiria o caos. Se Zulmiro não interviesse rapidamente, a violência entre os alunos era mais que certa. A contragosto, o professor recorreu à sua autoridade para acalmar os ânimos.

- Basta! - e a turma silenciou-se subitamente. - Se falaram uns por cima dos outros nunca se entenderão! É assim que pretendem ser feiticeiros responsáveis? Gritando e intimidando as outras pessoas?

- Foi o Filistino que começou! Ele provocou-me Professor! - defendeu-se o Beltroi.

-Beltroi, como futuro manipulador de magia, uma grande responsabilidade irá ser posta sobre os teus ombros! Na primeira aula, tu disseste-me que querias ser um feiticeiro da via medicinal. Suponho que ainda manténs essa ambição.

- Sim Professor. Quero um dia tratar as crianças que nascem com deficiência como o meu irmão mais velho. O meu pai está desempregado e todos os dias trata dele porque o mano nunca vai conseguir falar ou andar. Não quero que mais ninguém sofra como os meus país ou o meu irmão.

- Como esperas ser um feiticeiro da via medicinal se te enfureces à mínima provocação? É assim que tratarás os teus doentes? Muitos doentes estão psicologicamente alterados, eventualmente, até num estado psicótico. Poderão insultar-te ou até agredir-te. Como feiticeiro és o mais forte e deverás mostrar-lhes compaixão.

- ...Mas aqui o Filistino não é doente Professor - queixou-se o Beltroi com uma voz um pouco mais insegura. - Ele só é avariado dos miolos.

- Pois é melhor que aproveites as oportunidades que se te oferecem para treinares a tua paciência. E é melhor que estudes. A feitiçaria medicinal é das especialidades mais exigentes. De qualquer maneira, se tivessem deixado o Professor terminar, esta discussão não se teria sequer iniciado. O livro é grátis.

- É um livro muito pesado Professor? - questionou timidamente a Silvira. Perante este indício de reclamação, toda a turma se virou para ela em espanto. A Silvira era aluna de mérito, esforçava-se por superar todas as expetativas que os Professores tinham relativamente a ela e, no que a si própria dizia respeito, nunca se queixava. No entanto, era verdade que era igualmente fiel ao seu papel de delegada de turma e defendia os colegas, falando em seu favor e procurando que os professores fossem brandos na aplicação dos castigos. Era uma aluna de aspeto débil, frequentemente agarrada à bomba da asma. Aos pés da sua cadeira estava uma mochila que era quase tão grande quanto ela e a transbordar de livros. O motivo da sua preocupação era fácil de adivinhar. Receava um aumento da sua já pesada carga

- O livro não acrescentará uma única grama às vossas mochilas - tranquilizou o Zulmiro.

O Professor percorreu as filas das carteiras e distribuiu um livro a cada aluno. As mãos estenderam-se avidamente para receber a oferta.

- É verdade! O livro não pesa nada! - disse a Silvira. - Olhem só! Se o deixar no ar, o livro flutua tal como um balão de ar quente! - e a aluna empurrou o livro com o dedo de um lado para o outro enquanto este ondulava ligeiramente, pairando sem apoio. - Como é possível Professor?

Para Zulmiro, o peso do livro não era o mais importante. O rumo que pretendia tomar para a aula era outro.

- Este é um livro muito especial. É um livro que vos reflete. Noutros livros...

As palavras de Zulmiro foram interrompidas porque um burburinho começara num canto da sala. A Silvira, que estava na primeira fila de carteiras, virou-se para trás.

- CALEM-SE! - gritou. Embora a fisionomia fraquinha, gostava de se impor e tinha um gosto simultâneo pela ordem e pela autoridade que lhe dava um certo prazer. - Deixem o Professor falar! É uma falta de respeito!

- Se fosse com a Professora Fedra vocês calavam-se logo! - sugeriu o Filistino com a sua eterna expressão provocadora.

Uma vez, a Professora Fedra tinha lançado um aluno a voar pela janela.

- O Professor Zulmiro é simpático e vocês abusam! - juntou a Silvira.

Os alunos tinham uma opinião contraditória sobre o Professor Zulmiro. Alguns achavam que era um professor permissivo e que não se impunha. Outros achavam precisamente o contrário. Achavam que ele conseguia sempre precisamente o que queria, sem levantar a voz, sem ser um ditador ou um ídolo. O professor Zulmiro era daqueles raros professores que desapareciam dando aos alunos a ilusão perfeita de que eles tinham conseguido tudo por eles próprios. Os alunos saiam da aula confiantes em si próprios, em vez de embevecidos com a figura carismática do professor.

O burburinho continuava.

- Peço desculpa Professor, mas há um erro! - a voz da aluna Potácia elevou-se.

- O Professor Zulmiro nunca se enganou! - contrariou a Silvira.

- Há um erro sim!

- Isso foi um bocado de rímel que te entrou para os olhos! Só pensas em maquilhagem!

A Potácia ruborizou-se com esta provocação do Filistino, mas manteve a sua posição.

- No livro do meu colega e há um texto diferente na mesma página. O professor enganou-se e distribuiu livros diferentes.

- Tens razão Potássia. Há um texto diferente na mesma página - confirmou o Zulmiro.

O queixo da aluna subiu até ao teto contente com o triunfo de ter corrigido o professor.

- E, Potássia, o que foi que eu vos disse quando distribuí os livros?

A aluna hesitou.

- ...Não sei Professor. Já tinha começado a ler o livro e distraí-me. Estava concentrada na história.

- E porque olhaste para o livro do teu colega?

- Porque queria saber se o Professor lhe tinha dado um livro melhor a ele.

- Não existe nenhum engano na distribuição dos livros e nenhum aluno foi prejudicado. Se me ouvissem até ao fim, saberiam porque os livros são diferentes embora, na realidade, sejam exatamente o mesmo livro. Eu disse-vos que o livro vos reflete. Os outros livros são uma revelação do autor. Este livro é uma revelação de vocês próprios. O livro adapta-se individualmente a cada leitor, aos seus valores e à sua disposição. A cada página, o leitor toma uma decisão e decide o destino da história.

- E como saberemos se tomámos a opção correta? - questionou a Silvira.

- É como na vida real. Não sabes.

Os alunos pensavam que esta iria ser uma aula fácil. Aperceberam-se agora que se tinham enganado.

Queres um exemplar do livro que o Zulmiro distribuiu? O que será que este livro irá revelar sobre a tua personalidade? Escolherás o caminho da magia negra ou branca? Ou simplesmente o caminho dos teus interesses?

Podes obter uma cópia do livro aqui.

FAZER O DOWNLOAD DO LIVRO




NOVO JOGO!
Adozinda - Uma história interativa

Gostas de ler?
A tua imaginação é forte?
Temos o jogo certo para ti!
Ajuda a Adozinda no caminho para se tornar numa feiticeira poderosa.



Download no Google Play




Que tipo de Feiticeiro és?

  

Será que és um espírito aventureiro, como a Adozinda?

Ou uma cientista fria e metódica como a Fedra?

Ou intelectual de bom coração, como o Zulmiro?

Ou uma líder justa como a Ivandra?

Ou um homem de negócios a nadar em dinheiro, como Limoso?

Descobre aqui!




Que tipo de Feiticeiro és?

  

Sentes-te indeciso quanto ao teu caminho no mundo da feitiçaria?

Não sabes qual o próximo passo a tomar no sinuoso caminho da magia?

Será que és um feiticeiro de magia branca ou negra?

Nós podemos ajudar-te!

Encontra a resposta para todas as tuas dúvidas nesta aplicação.

  Fazer download no
Google Play



Novo Livro!

 

Feiticeiros, fantasmas de dúbias intenções, anjos apaixonados por demónios, monstros e um elenco de encantamentos extraordinários numa história de feitiçaria dos tempos modernos! Encontrarás tudo isto e ainda muito mais no novo livro Adozinda - V de Volta.

À venda na nossa livraria!




Notícias sobre a Escola de Magia

Estamos famosos! Reparem só na quantidade de notícias sobre o prémio que ganhámos!




Teste de Magia

O feiticeiro prudente estuda o passado, para não repetir os erros que já foram feitos, ao mesmo tempo que dirige, audaciosamente, o seu olhar para o futuro. Será que estás a par de todo o passado e de toda a atualidade da magia? Aceitas o teste?






Limpeza da Casa

Que melhor maneira de entrar em 2015 do que com a casa limpa? De acordo com este princípio, passámos a escola a pente fino e implementámos a seguintes melhorias:

  • Especialmente, para os nossos autores, temos uma nova funcionalidade que permite enviar recomendações de textos através de email. É uma excelente oportunidade de partilharem o vosso talento! Quem sabe se o vosso próximo best-seller não começa aqui na Escola de Magia?...
    Podem ver a funcionalidade na base do inspirado poema da Feiticeira Assilem.


  • Preparem os vossos quartos de hóspedes! Agora, podem convidar todos os vossos amigos a visitar-vos no castelo. Se quiserem preparar a vossa próxima festa do pijama ou simplesmente um simpático lanche de fim de tarde, poderão convidar os vossos amigos através do botão no topo do quarto.
    Podem visualizar um exemplo deste botão no bem decorado quarto da Feiticeira Paulinha.

  • Foi corrigido um bug na recuperação da palavra passe para o email, que estava afetar os nossos feiticeiros com conta no Hotmail.

  • Foi corrigido um bug na publicação dos artigos.

Anunciamos também que a Escola de Magia foi selecionada como a vencedora, a nível nacional, do concurso Best Content for Kids promovido pela Inhope e pela Insafe e financiado pela União Europeia. Ficamos gratos e contentes por ter recebido este prémio que é um estímulo para fazermos ainda mais e melhor no próximo ano de 2015 que se avizinha!

Feliz 2015 para todas as Feiticeiras e Feiticeiros!

Vamos pegar nas nossas vassouras mágicas e voar
para um Ano Novo repleto de felicidade e sucesso!




Página seguinte


Voltar à biblioteca


Átrio principal | JogosAuto conhecimentoContactos

Language: English | Português

Copyright 2017, Sofia Ester.