Este site utiliza cookies. Ao continuar neste site autoriza a sua utilização e concorda com a Política de Privacidade e com a Política para os cookies.
Escola de Magia
Login e aceder à área de aluno
ou
Matricular-se na Escola de Magia
MENU
Entrada > Átrio principal > Átrio > Biblioteca > Textos dos Alunos



Oráculos Naturais A A A A

Praticamento qualquer objeto ou ação observável pode e deve ser utilizado como um oráculo natural. Qualquer coisa é um oráculo, se assim você o souber decifrar. Água, café, um copo quebrado, as rachaduras de um ovo ou de uma parede; o balançar das folhas ou dos galhos de uma árvores, o movimento das ondas, o voo baixo dos pássaros, o nascimento de uma criança com relação à Lua, etc.
Vou dar um exemplo: Você vai dormir e no outro dia encontra uma cartolina branca que você havia deixado sobre uma mesa manchada com um cor roxa. Ninguém foi lá neste local durante toda a noite. Qual é o mistério? Por experiência eu sei interpretar este fato: alguns morcegos gostam de levar ou trazer alimentos tais como pequenas frutas para alguns locais. Sendo assim, a tal mancha fora obra da alimentação noturna destes morcegos, que de vez em quando deixam algumas sementes de Pinha em minha casa. Acho que a mancha roxa se referia a uma amora.

Sabonete em barra da Granado de Glicerina. Deixe este sabonete no banheiro. Se ele estiver todo cheio de bolhinhas ("suando") é sinal que o dia está bastante úmido e vai chover, com certeza.

Enfim, são infinitas as formas de se observar e de se fazer uma leitura de um Oráculo Natural. Basta você conhecer as regras e os parâmetros da natureza e o seu efeito sobre determinados objetos e substâncias.

Aqui vale aquela regra de ouro: Na Natureza, nada se perde, nada se cria. TUDO SE TRANSFORMA!

JOSIVAL      

Este artigo já foi lido 64 vezes



Lista de artigos publicados pelos alunos    Biblioteca