Este site utiliza cookies. Ao continuar neste site autoriza a sua utilização e concorda com a Política de Privacidade e com a Política para os cookies.
Escola de Magia
Login e aceder à área de aluno
ou
Matricular-se na Escola de Magia
MENU
Entrada > Átrio principal > Átrio > Biblioteca > Textos dos Alunos



Fim de tarde A A A A

Hoje em um fim de tarde resolvi me olhar no espelho, ver os meus próprios olhos. Olhei no fundo da minha alma e cheguei a observar como eu estava triste e me afoguei em minhas lágrimas. Desacreditado, fiquei a chorar em frente ao espelho me sentido por fora um herói e por dentro um ladrão, parecia mergulhar em um rio de lavas, senti a destruição em minha alma, fiquei em uma revolta por não encontrar ninguém que me tirasse dessa situação, no fim da tarde sai louco para ver o mar, quando fui me aproximando, suas ondas foram se recolhendo e eu derramando minhas lagrimas, fiquei olhando o pôr do sol. Então, resolvi sentar na areia da praia e ficar vendo o sol partir por mais um dia. A escuridão inundava meu coração, eu permaneci ali por muito tempo, tempo necessário para saber que o amor ainda não morreu dentro de mim, e que um dia uma nova paixão renascerá dentro do meu coração. Aprendi que sempre vai existe uma próxima pessoa, onde teremos que nos envolver e que nossa vida terá um fim; cabe a cada um de nos fazer um final feliz, por isso, antes que a tarde tenha fim, eu irei nascer em uma grande erupção a qual invadirá todos os corações, queimará todas as almas e deixará todos ardendo em um eterno fogo da paixão.

ZAU      

Este artigo já foi lido 1084 vezes



Lista de artigos publicados pelos alunos    Biblioteca